segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

(Mini-fic) Believe In Me – Parte 4


Dia seguinte (domingo) 10:00 A.M

Maddie – Demeeee! – disse entrando no quarto da irmã mais velha e indo até sua cama. – Acorda Demeeee.
Demi – Aaah, que foi Mad?
Maddie – Acorda Demeeee. – disse balançando Demi.
Demi – Não Mad, tá tão cedo. Deita aqui comigo. – disse puxando Maddie para baixo do cobertor a  abraçando.

Maddie – Papai mandou você levantar.
Demi – Meu Deus, pra que?
Maddie – Sei lá. Parece que a Tânia acordou meio mal e a Denise chamou a gente pra um almoço na casa dela.

Demi – Dos Jonas? – perguntou se sentando na cama rapidamente.
Maddie – Não Demi, dos Devonne! Claro que é dos Jonas né? E porque isso tudo?
Demi – Ah, não é nada não pirralha.

Maddie – Creio em Deus pai, Demetria... que cabelo é esse?
Demi – Como se você nunca tivesse me visto quando eu acordo não é? – Maddie deu de ombros.
Maddie – Demi se levantou. – Posso ficar um pouco na sua cama?
Demi – Pode, mas só enquanto eu escovo os dentes. Já escovou os seus pequena?
Maddie – Já sim.

Demi foi até seu banheiro, fez a higiene matinal e depois foi abrir a sacada.

Joe on:
Eu ainda morro nesses jantares do meu pai, cheguei em casa e fui direto pra cama. Levantei com algum infeliz me mandando mensagem, operadora.
Levantei-me querendo me matar e brevemente olhei para a sacada, Demi estava ali olhando o sol, com a mesma roupINHA da noite passada e com o cabelo ainda meio bagunçado. Incrível.
Joe of.

Nick – E ae meu chapa, já tá de olho na minha mina? – disse entrando no quarto.
Joe – Bom dia pra você, querido irmão. – disse rindo enquanto ainda observava Demetria.
Nick – Cara, eu falei que ela era minha!
Joe – As cantadas de ontem a deixaram assustada. Ela é mais velha que você, e não tem cara de que curte os mais novos.
Nick – Deixa eu tentar, bro...
Joe – Ela é legal demais pra você.
Nick – Mamãe chamou os Lovato’s pra almoçarem aqui hoje!
Joe – Mas de novo comer junto?
Nick – Coisa da mãe... a gatinha senta do MEU lado.

Joe – Ela senta onde ela quiser.
Nick – Tu me paga.

Com Demi...

Tânia – Ei moça, o que vê nessa sacada?
Demi – Nada não tia... – disse fechando a cortina e apoiando as mãos inversas na cintura. – Obrigada por bater na porta viu senhorita.

Tânia – Me senti uns 10 anos mais jovem ‘-‘ Desculpe, só vem deixar toalhas de rosto no banheiro.

Demi – Ah, ok. – olhou para cama. – Ih, a Mad dormiu de novo.
Maddie – BOO!
Demi – Ai que susto! – disse brincando.

Maddie – A Demi tava olhando o menino bonito da sacada ali...
Tânia – Mentira que o quarto dele é de frente pro seu?!?!!? – perguntou entusiasmada –Eu vi vocês conversando ontem...
Maddie – A Demi tá namorando, a Demi ta namorando.
Demi – Cala a boca pirralha! Eu não to namorando... ele parece um cara legal mas... sei lá.

Demi as “expulsou” de seu quarto e trocou de roupa. Desceu até a cozinha para comer alguma coisa logo depois.

Demi – Bom dia pai! – disse dando um beijo no rosto de Patrick.
Patrick – Bom dia. Esta linda.
Demi – Estou normal papai! – se sentou colocando suco num copo. – Algo para hoje?
Patrick – Denise nos chamou para um almoço na casa dela hoje e esse você vai!
Demi – Todas as refeições dessa família vão ser com essa gente agora? – disse sem pensar. – Desculpa.
Patrick – Eram amigos da sua mãe, Demi. Por ela começamos a fazer negócios. Hoje vamos só como amigos, nada casual.
Demi – Eu vou pela mamãe... – disse se levantando e indo para seu quarto.
Patrick – Não vai comer nada? – perguntou antes que ela saísse.
Demi – To sem fome.

Demi on:
Eu odeio quando o meu pai me obriga a fazer tudo o que ele quer. Quando ele quer ser chato ele é até demais.
Demi of.

(...)

Denise – Ai meu deus, Demi... como você ficou pequena! – Demi mordeu a língua. – Eu lembro de você quando era bebê!
Demi – Não tive um bom crescimento, é... eu acho. – disse rindo depois.

Nick – Oi Demi! - disse se aproximando dela com um copo de água na mão.
Demi – Oi Nicholas. – Patrick o olhou torto.
Denise – Frankie! – o chamou e ele veio correndo da cozinha. – Essa é a Maddie.
Frankie – Oi. – disse com um sorriso meigo no rosto.
Maddie – Oi.

Frankie – Ela é sua irmã? – perguntou a Madison.
Maddie – É sim.
Demi – Olá. – sorriu simpática.
Frankie – CARA QUE GATA.

Denise – Frankie!
Demi – Gente... – acabou rindo.

Nick – Sai daí moleque. – puxou Frankie para trás que enroscou o pé em um tapete que fez Nick derrubar água em Demi.

Demi – Nicholas! – disse controlando a frustração.
Frankie – Opa!
Nick – Demi, me desculpe!
Demi – Tá tudo bem. – disse rindo no final.
Denise – Minha linda, tem um banheiro lá encima. Se sinta em casa e se seque.
Demi – Ok obrigada. – disse subindo as escadas.

Demi on:
Eu não sei qual é a desse Nicholas, mas se a intenção era ver meu sutiã molhando minha blusa branca a coisa vai ficar feia pro lado dele.
Eu nem sabia onde era o banheiro... abri praticamente a porta de todos os quartos do andar de cima, menos uma porta no final do corredor e mais duas do lado daquela. Abri a ultima do final do corredor e estava trancada, deveria ser aquele. Abri as outras duas para ver setinha mais algum. Em uma porta era tipo um quarto da bagunça e o outro parecia um quarto de homem. Juro que fiquei interessada em saber de quem era.
Eu não era de fuçar nas coisas dos outros, nunca fui, até porque se chegassem na minha casa, subissem pro meu quarto e começassem a mexer nas minhas coisas eu não ia gostar, mas eu não resisti e entrei.

XxXx – BOO!
Demi – AH. – alguém tapou minha boca por trás.

Demi of.

XxXx – Te peguei no flagra senhorita Demetria!
Demi – Que susto Joseph!
Joe – riu. – Foi mal!
Demi – Desculpe ter entrado no seu quarto, tava procurando o banheiro porque o Nicholas me molhou!
Joe – Usa o meu banheiro... – apontou para uma porta no quarto.
Demi – Ok obrigada.

(...)

Denise – Então Demi... – disse bebericando o suco durante o almoço.
Demi – Sim? – disse voltando atenção para Denise.
Denise – Gostando de Miami?
Demi – Bom, cheguei aqui ontem e não me lembro da época que vinha quando era pequena. Não posso afirmar nada ainda. – disse soltando uma risadinha simpática. – Mas é um lugar muito bonito.

Joe – Tem muito o que ver ainda... – disse sorrindo para ela.
Demi – Pretendo ver mais!
Denise – E os namoradinhos?
Patrick – Por favor Denise!
Demi – Se depender do meu pai eu morro solteira!
Patrick – Não duvide disso...
Demi – Papai! – o olhou torto.
Denise – Se quiser te ajudo com uns pretendentes...
Demi – Aceito a ajuda.
Patrick – Denise...
Denise – Deixa a menina namorar Patrick.
Demi – Agora eu não faço questão, dona Denise.

Frankie – Eu acho que a Demi combina com o Joe... – Demi ficou vermelha.
Nick – Você não acha nada!
Joe – Ciúmes, Nicholas?
Nick – Que? Por que estaria?
Kevin – Porque será...

Demi – Hã?
Joe – Nick e suas taradisses.
Demi – Notei isso...
Denise – Porque não leva Demi para conhecer o resto do condomínio?
Joe – Podemos ir em uma sorveteria perto de uma praia deserta, é bem pertinho.
Denise – É lindo.
Joe – Quer ir Demi?
Demi – olhou para Patrick que assentiu calmamente com a cabeça. – Claro. – sorriu.

O resto do almoço Joe e Demi se entre olharam sorrindo enquanto Nicholas ficava cada vez mais irritado.

(...)

Joe – Você vai adorar aquela praia. – disse apontando para o mar que já estava a vista da sorveteria. Demi sorriu. – Eu faço questão de pagar... do que quer?
Demi – Flocos!?
Joe – O flocos daqui é uma maravilha. – pegou os sorvetes e se sentaram na parte de fora da sorveteria, onde tinham algumas mesas.

Demi – É bom mesmo...
Joe – Cara, não olha pra trás... o Nick tá ali vendo a gente.
Demi – Qual é a dele, me diz!?

Joe – A dele? Dinheiro. Quando ele comentou que os “Lovato” iam morar na casa ao lado ele já ia falando de você como se você pertencesse a ele. Por isso que eu digo que sou tão diferente dele.

Demi – Eu não acredito nisso!
Joe – Não cai na dele não, Demi.
Demi – Eu não gostei dele desde ontem a noite, acredite.
Joe – Não curtiu? – perguntou rindo enquanto lembrava dos micos que Nicholas tinha passado pra ela na noite passada.
Demi – Achei grotesco! – os dois riram. – Foi muita sorte dele ele ter me molhado com água, se fosse com suco eu juro que acabava com ele.

Joe – Ui, ela é revoltada.
Demi – HÁ HÁ HÁ. – riu irônica.

Joe – Tem uma galera da escola ali. – disse apontando para um pessoal que passava pela rua.
Demi – Quem são?

Joe – Aquela de cabelos pretos e curtos é a Selena, aquela mais alta é a Miley. Melhores amigas. E o garoto loiro é namorado da Selena. Estranho Miley não estar grudada no namorado dela!

Demi – Essa tem namorado?
Joe – Até semana passada Nick tava dando encima dela, ai ela pediu pra um tal de Liam que eu não conheço fingir que tava com ela pra ele desgrudar dela e os dois acabaram juntos pra valer.
Demi – Legal.
Joe – Quer conhecê-los?
Demi – Não precisa, as aulas começam em algumas semanas eu conheço eles melhor lá.
Joe – Ah, vamos Demi...
Demi – Joseph... não!

Joe – Tá bom, tá bom... – ele queria mudar de assunto. – Vi um violão na sua sacada. Você toca? – ela tocava, mas não queria falar que sim. Ele ia pedir pra tocar. – Não não Joseph, ela tem um violão e não sabe tocar!
Demi – Tem gente que tem violão mas não sabe tocar.
Joe – Mas você sabe?

Demi – Aprendi sozinha, mas não sou tão boa...
Joe – Duvido! – pegou na mão dela. – Seus dedos estão machucados, conheço marcas de corda de violão de longe... – disse mostrando os dedos a ela.
Demi – Ficam assim porque to aprendendo, ai acabo colocando os dedos de qualquer jeito!

Joe – Quer que eu te ensine?
Demi – Quem sabe um dia? – disse sorrindo.

Joe – Uia... quer ir a praia?
Demi – Eu quero... – respondeu sorrindo.

Andaram de ponta a ponta na praia conversando, cada um sobre sua vida.
Joseph não disse como ele era no colégio, Demi já tinha conhecido o “verdadeiro Joe”, era uma amizade em risco se ele contasse a verdade.
Andaram mais um pouco e se sentaram perto da beira do mar, olhando o horizonte.

Demi – Eu acho que vou me adaptar rápido a este lugar.
Joe – Porque?
Demi – Não é nada... – ela mentia, mas Joe sabia que era algo que ela não queria dizer.
Joe – Você finge que não é nada e eu finjo que acredito. Ok Demetria... vamos fazer o seu jogo duro.
Demi – Não é nada disso! – disse tentando fugir do assunto.
Joe – Não vou te pressionar a falar.
Demi – Obrigada. – sussurrou.

Joe – sorriu. – O que acha de...

XxXx – Ei?! – ouviram um vendedor de rosas se aproximando. – Não quer comprar uma rosa para a namorada, rapaz?
Demi – Que isso, nós não namoramos!
Joe – Não namoramos mas poderíamos... – Demi corou.
Demi – JOSEPH!
Joe – Eu compro. – Joe comprou e esperou o homem se afastar para dar a ela.
Demi – Obrigada. Sai comprando flores pras suas amigas?
Joe – Não... mas eu gostei de você. – Demi sorriu. – É sério.
Demi – Só não dê uma de Nicholas, por favor.
Joe – Eu sou um cara legal ok?
Demi – Eu sei que é. – Joe sorriu.

Joe – Bom... quer dar um mergulho?
Demi – Que? Não!
Joe – Vamos!
Demi – Mas de roupa?
Joe – Se quiser pode ir sem.
Demi – Joseph!
Joe – De roupa mesmo boba.
Demi – Eu to com uma blusa branca ow.
Joe – Então tira. – o olhou safado e Demi o bateu.
Demi – Joseph. – ele a olhou. – Não! Meu pai vai falar um monte depois!
Joe – Quem liga?

Nisso Joe a pegou no colo e correu com ela para o mar.

Demi – ESTUPIDO! – disse se segurando nele. – Eu não sei nadar ok? É bom me segurar.
Joe – Te seguro.
Demi – Depois disso eu te mato! – ela olhou pra praia. – DROGA! Me segura. – Joe segurou e sua cintura e ela deixou a cabeça submersa segurando a respiração o máximo que pôde.

Joe – O que foi isso?

Demi –Fotógrafos! Ótimo, descobriram onde os “Lovatos” moram.
Joe – Perseguem sempre?

Eles saíram do mar.

Demi – Pra revistas estúpidas perseguidoras do meu pai. Um saco.
Joe – Mas isso é coisa do seu pai, pra que te perseguem?
Demi – Não me perseguem, só quando querem algo. Tipo, pegar fotos minhas enquanto eu ando num shopping ou sei lá o que. Somos tipo famosos.
Joe – Não sei de nada porque não leio revistas ou jornais.
Demi – Jornais são os piores nas partes de investimentos e sei lá o que. Mas é só porque em breve eu assumo a empresa. Falando nisso pra esses dias tem mais eventos e bla bla bla.
Joe – ri. – Boa sorte.


Olaaa, gente me desculpem pela demora por favor! é que tava naquele clima de: "Vota no PCA." "Vota naquilo dali." "Gente vai ter link?" "Mas é capa de que mês?" "De que revista é aquele poster?" "Gente tem link pra ver?" "Gente o link tá travando" "AAAAAAAAAAAAH COMO A DEMI TAVA LINDAA" "MANO CALA BOCA SE NÃO O LINK TRAVA" etc etc etc SEM COMENTAR que a criatividade foi pra marte né '-'
Desculpem pela demora ok? Pretendo não demorar tanto pra postar o próximo.

Marquem "oi eu li" e comentem!

Amo vocês.
Besitos :*

11 comentários:

  1. Capitulo perfeito Emmy!O Nick é desastrado pra caramba em véi!Adorando a fic!Ve se não demora semanas pra postar o outro viu!!

    ResponderExcluir
  2. esse nick kkkkkk,o joe e tão fofo
    ta perfeito linda,posta logoooo
    bjs<3

    ResponderExcluir
  3. KKKKKKKKKKKKK Eu tabem fiquei com o MANO CALA BOCA SE NÃO O LINK TRAVA" KKKKKK Veei mo raiva eles comentando o LINK trava todda hora .
    E ce viu a Demi tava DIVA :DD

    Ameei o capitulo .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Esse povo sem coração que fica comentando D: sokjd
      Obrigada :)

      Excluir
  4. selinho :D > http://jemitheonlyexception.blogspot.com.br/2012/12/repassando-selinhos.html#comment-form

    ResponderExcluir